quarta-feira, 19 de fevereiro de 2020

Duas pessoas morrem e bebê fica ferido em trágico acidente na região de Cianorte


Uma tragédia foi registrada na rodovia PR-082, na região de Cianorte, na tarde de terça-feira, 18, onde uma colisão entre dois automóveis e um caminhão resultou na morte de duas pessoas e deixou outras três feridas. Entre os feridos está uma criança recém nascida que foi socorrida e levada de Helicóptero (Aeromédico Samu) até um hospital de Umuarama.

O acidente ocorreu no trecho que liga as cidades de São Tomé e Cianorte, em uma localidade conhecida como “curva da bica”. A batida envolveu um veículo modelo Fiat Uno, da cidade de São Tomé, um Jeep Renegade com placas de Londrina, além de um caminhão de Campo Mourão.

Pelo que foi apurado no local do acidente, através dos Patrulheiros da Policia Rodoviária Estadual e usuários da rodovia, o motorista do Fiat Uno teria tentado desviar de um galho que estava sobre a pista de rolamento. Durante a manobra, o condutor invadiu a pista contrária e colidiu com o caminhão que trafegava em sentido oposto e na sequência bateu no Jeep que era ocupado apenas pelo motorista, um representante comercial que seguia viagem sentido a cidade de Rondon.

Com a batida, o carro menor ficou desgovernado, saiu da estrada e só parou quando se chocou violentamente em uma árvore as margens da rodovia.

Com a força do impacto, a frente do Uno ficou totalmente destruída. O casal que estava na frente morreu na hora. As demais vítimas foram socorridas por equipes do Samu e Corpo de Bombeiros. A pista chegou a ficar interditada por algumas horas. No momento da colisão, a chuva era intensa no local.

Morreram no acidente Matheus Aparecido Santos do Amaral, de 21 anos, motorista do carro e a companheira dele, que viajava ao seu lado no banco da frente do veículo, Thalya Rafaela Honório Palma, de 23 anos. No banco de trás viajavam uma senhora, uma adolescente e o bebê de nove meses. O motorista do Jeep Renegade e o caminhoneiro, nada sofreram.

Os corpos das vítimas fatais, que residiam na cidade de São Tomé, foram removidos e encaminhados ao IML da cidade de Campo Mourão. 

(Goionews – Corujão Notícias).