domingo, 23 de fevereiro de 2020

ENGENHEIRO BELTRÃO: PM apreende menor que ateou fogo em bar para furtar e dois adultos por receptação


A apreensão do adolescente e prisão de dois adultos aconteceu após um incêndio criminoso ter sido registrado na cidade. Um adolescente invadiu um bar na Rua das Violetas, conjunto Paulo Grande e após se apoderar de objetos, ateou fogo no comércio. O caso foi registrado neste sábado (22), no final da madrugada. A elucidação do crime aconteceu neste domingo (23).


No início da tarde deste domingo (23) a equipe da PM de Engenheiro Beltrão recebeu informações de que o acusado do crime estava escondido em uma casa na Rua Pernambuco, bairro Paraíso das Rosas. A informação anônima dava conta de que os objetos furtados também estavam escondidos na casa.


No endereço informado na denúncia os militares encontraram o suspeito, um adolescente. Ele confessou que invadiu o bar, furtou os produtos e ainda ateou fogo usando pólvora. Na casa também estava um tio do menor, que acabou preso por receptação.

No dia do incêndio, manhã de sábado, equipes do Corpo de Bombeiros de Campo Mourão estiveram na cidade para conter as chamas e evitar que imóveis vizinhos fossem atingidos. A PM auxiliou no atendimento.

Ainda no sábado (22), logo após conter as chamas que destruíram o prédio, os policiais militares conseguiram evidências de que se tratava de ação criminosa.

A caminhonete da vítima, que estava em um terreno ao lado do bar, também foi arrombada e teve um dos vidros quebrados.


Após a apreensão do adolescente, prisão de seu tio por receptação e recuperação de parte dos objetos furtados do bar, a PM descobriu que outra pessoa guardava parte dos produtos furtadas, na Rua da Rua dos Jasmins, conjunto Paulo Grande. A informação acabou confirmada e o morador também foi preso por receptação.

O adolescente que cometeu o furto e incendiou o bar foi apreendido, os dois receptadores foram presos e os objetos foram recuperados. Todos foram levados para a Delegacia de Polícia Civil de Engenheiro Beltrão e autuados em flagrante, o menor pelo ato infracional e os adultos pelo crime de receptação.