terça-feira, 28 de abril de 2020

Patrulha Rural do 11º BPM recupera 27 cabeças de gado furtado de fazenda em Iretama

Por Claudiney Costa – rato, 28/04/2020


Acima imagem dos animais localizados pela Patrulha Rural. O gado foi recuperado nesta segunda-feira (27).

Todo o caso teve início há dias atrás quando a equipe da Patrulha Rural da PM de Campo Mourão, comandada pelo Subtenente Marco Antônio da Silva, tomou conhecimento de que uma boiada estava sendo conduzida por dois indivíduos e que o caso parecia suspeito. A denúncia apontava que eram conduzidas cerca de 40 cabeças de gado, que seguiam de Águas de Jurema, em Iretama, sentido comunidade Água Torta.


Os militares procuraram um fazendeiro, Edgar Back, da região onde o gado estava saindo, e orientou que o homem conferisse os animais de sua propriedade.

Os policiais acompanharam o fazendeiro na conferência e ficou constatado que haviam desaparecido 46 cabeças do rebanho. O fazendeiro disse acreditar que o gado de sua propriedade estaria sendo retirado aos poucos, há vários dias.

Os policiais continuaram as investigações e seguiram o caminho do gado, observando rastros dos animais por trechos que os levaram até uma propriedade localizada no bairro Água da Roseira, município de Nova Tebas.

De acordo com as informações da PM, eles entraram em contato com uma moradora da propriedade onde supostamente estaria o gado furtado. A mulher teria se mostrado bastante nervosa, mas não soube informar detalhes sobre o assunto. No dia seguinte, devido a vegetação densa, os militares voltaram ao local com um drone e após vistoria pela área não encontraram os animais.

Os policiais vistoriaram toda região, e acabaram descobrindo que o gado teria passado por dentro do lote vistoriado com o drone, atravessando o Rio Muquilão. Os militares encontrando 27 animais escondidos em uma Área de Proteção Permanente.

O dono da fazenda, que teve os animais furtados, foi chamado e reconheceu os animais como sendo dele.

O gado foi recolhido pelo proprietário e o caso foi registrado pela Patrulha Rural do 11º Batalhão da PM de Campo Mourão e segue agora para a Polícia Civil de Iretama, que deve prosseguir com as investigações para tentar descobrir quem são os ladrões.