terça-feira, 5 de maio de 2020

"Cala a boca", diz Bolsonaro a jornalista



Ao deixar o Palácio da Alvorada nesta manhã e atacar novamente a imprensa, negando que tenha pedido a troca do superintendente da PF no Rio, Jair Bolsonaro ofendeu uma jornalista.

“Cala a boca. Eu não te perguntei nada”, disse o presidente — aparentemente, dirigindo-se a uma repórter, durante seu pronunciamento.

Segundos depois, Bolsonaro repetiu a ofensa: “Cala a boca”.