domingo, 21 de junho de 2020

Corumbataí do Sul já registra 17 pessoas contaminadas pela Covid-19, aponta boletim


Os casos positivos de coronavírus não param de crescer em Corumbataí do Sul e neste domingo (21) foram confirmados mais 4 casos, chegando agora a 17.

Há 10 dias, no dia 12 de junho, o município confirmou seus primeiros dois casos positivos, no dia 16 de junho confirmou o quarto caso, no dia 18 de junho já eram 7 casos positivos e um dia após, no dia 19 de junho já eram 11 pessoas contaminadas, no dia seguinte, sábado (20) subiu para 13 e hoje, domingo (21) já são 17 moradores contaminados e 19 ainda aguardando resultados de exames e outras 82 pessoas sendo monitoradas.

O prefeito Carlos Caxão assinou um decreto municipal na última sexta-feira (19), mas não fecha o comércio da cidade, apenas regula os horários de funcionamento, das 08h às 16h, de segunda a sexta-feira, para atividades não essenciais. No decreto ele determina toque de recolher durante a noite, das 22h às 06h.

Nas atividades consideradas essenciais, como mercados, farmácias, postos de combustíveis, padarias, materiais de construção, obras, restaurantes, o funcionamento continua dentro do horário comercial normal, das 08 às 18h e no sábado é facultativo a abertura até as 12 horas. 

Corumbataí do sul está entre os 25 municípios da Comcam com maior avanço da doença nos últimos dias e de acordo com o boletim estadual divulgado ontem, está entre os quatro primeiros da região.

Com 17 casos positivos da doença em apenas 10 dias, com os números avançando a cada dia e com a população aterrorizada, ficando fora de controle, que é o que está apontando a evolução do contágio, as medidas da atual administração para o enfrentamento e contenção do avanço parecem, para muitos, serem brandas, é o que mostra dezenas de mensagens que a coluna recebeu neste domingo, logo após mais um boletim informando números crescentes da covid-19 em Corumbataí do Sul, município com cerca de 4 mil habitantes.