segunda-feira, 6 de julho de 2020

Três moças morreram e um rapaz ficou gravemente ferido em acidente na região de Maringá



O acidente aconteceu na madrugada deste domingo (05), por volta da 00h30, no km 197,8 da BR 376, em Marialva, região metropolitana de Maringá. Uma batida frontal entre um veículo GM/Kadett e um ônibus de turismo deixou três mulheres mortas e um homem gravemente ferido.

Segundo levantamento realizado por agentes da Polícia Rodoviária Federal, PRF, o GM/Kadett conduzido por um rapaz, tendo três moças como passageiras, seguia pela contramão de direção no sentido Marialva a Mandaguari. Pelas características locais, tudo indica que o condutor deste veículo saiu da cidade de Marialva e não acessou o viaduto sentido Mandaguari, seguindo então pela pista da esquerda, na contramão, até incorporar a rodovia de pista dupla.

Relatos de uma testemunha que transitava com seu veículo pela rodovia sentido Maringá, afirma que o Kadett transitava na faixa da direita pela contramão, e para não colidir frontalmente com seu veículo, guinou-se para o acostamento e o condutor do Kadett para a pista da esquerda próximo ao canteiro central. O ônibus, que seguia pela faixa da esquerda, não conseguiu desviar e colidiu frontalmente com este veículo. Relato semelhante ao do condutor do ônibus, que transportava 20 passageiros. Todos os ocupantes do coletivo saíram ilesos.

Segundo o condutor do coletivo, ele saiu com turistas de São Paulo e pretendia levá-los até Foz do Iguaçu. Ele foi submetido ao teste de alcoolemia que não apresentou ingestão de bebidas alcoólicas. Já no veículo Kadett haviam latas e garrafas de bebidas alcoólicas. Porém, os agentes da PRF não conseguiram aferir se o condutor do veículo Kadett tinha ingerido bebidas alcoólicas, devido seu estado grave em decorrência do acidente.

As vítimas ficaram presas às ferragens sendo necessário desencarcerá-las. Tanto o condutor como as passageiras não portavam identificação.

Os corpos foram encaminhados ao IML e o condutor, em estado grave, ao Hospital Universitário, ambos em Maringá.

Além dos agentes da PRF, socorristas, servidores da concessionária local, peritos, agentes do IML compareceram no local para levantamento, socorro às vítimas, sinalização, perícia e remoção dos corpos, respectivamente.

A PRF fará o Boletim de Acidente de Trânsito e o encaminhará à Polícia Judiciária.