segunda-feira, 9 de novembro de 2020

BARBOSA FERRAZ: Coligação de Marinalva entra com mais uma ação para impedir pesquisa eleitoral

A alegação é de inconsistência nos dados. 


A coligação da candidata Marinalva Carvalho (PL) entrou com pedido de impugnação de mais uma pesquisa de intenção de votos registrada junto ao Tribunal Superior Eleitoral - STF.


Desta vez a candidata não quer que a pesquisa realizada pelo Ângulo Instituto Analítico de Pesquisas Ltda seja divulgada para Barbosa Ferraz.

Os números da referida pesquisa de intenção de votos ainda não haviam sido divulgados.

A pesquisa teria sido encomendada pelo próprio instituto.

Essa é a segunda vez nos últimos quatro dias que a coligação de Marinalva Carvalho entra com representação para impedir divulgação de pesquisa eleitoral em Barbosa Ferraz. No primeiro pedido de impugnação feito, ela aparece tecnicamente empatada com Luciano Soares de Souza (PP).

A alegação da coligação de Marinalva Carvalho para impedir a divulgação da segunda pesquisa seria de que existe inconsistência no número de entrevistados em dois bairros, idade dos entrevistados, além de questionamentos em relação a margem de erro.